Quem aqui nunca ficou surpreso ao ver a imagem de um bebê submerso, nadando embaixo d´água?

Uma prática bem orientada auxilia no desenvolvimento motor, cognitivo e afetivo da criança. Temos hoje, diversos estudos que comprovam tais benefícios para o bebê com a prática da natação.
Como por exemplo:

Função neuromotora mais desenvolvida, conseqüência de um maior número de conexões dos neurônios (sinapses);
Fortalecimento da musculatura pulmonar e maior expansibilidade torácica evitando alguns problemas respiratórios e minimizando os sintomas de asma e bronquite;
Aumento da resistência cárdio-respiratória;
Melhora do sono;
Estimulação do apetite;
Fortalecimento do tônus muscular;
Aprimoramento da coordenação motora, equilíbrio, orientação espaço-temporal, lateralidade, consciência corporal, etc.
Ampliação das percepções sensoriais;
Desenvolvimento da confiança e autonomia no meio líquido;
Favorecimento dos laços afetivos entre pais e bebês;

A partir de qual idade é indicada a natação para os bebês?

A literatura vem mostrando que cada vez mais cedo pode-se iniciar a criança na natação, desde que o ambiente seja adequado e que as vacinas estejam em dia. Aos 3 meses o bebê já está ambientalizado com o meio externo, a cervical está fortalecida e haverá uma facilitação dos movimentos, sendo um ótimo momento para a prática.

Quais são os exercícios praticados durante a aula?

A atividade aquática dos bebês é geralmente mais simples quanto menores são, pois são aproveitados os reflexos inatos que facilitam o processo. Desta forma, realizamos balanceios, deslizes, mergulhos, deslocamentos, passagens pelos materiais de diferentes formas.

É necessário que os pais ou responsáveis acompanhem e participem da aula?

É fundamental que o bebê sinta-se seguro em um meio no qual ele não está ainda ambientalizado, por isso a importância de estar acompanhado, de preferência, por seus pais, pois a natação fortalece o vínculo afetivo.

Quando um bebê pode mergulhar de fato? E por que isso é importante?

O mergulho deve ser inserido gradativamente, podendo começar em casa, na hora do banho, com respingos no rosto, utilização do chuveirinho na cabeça…
Quando o bebê apresentar descontração facial ao ter sua cabeça molhada ele estará pronto para seu primeiro mergulho, que deve ser tranqüilo e festejado sempre.
A importância do mergulho é compreendida pela necessidade de aumentar a capacidade de apnéia do bebê, o que lhe dará condições futuras de sobrevivência, e, também, aumentar sua capacidade pulmonar.

Quanto tempo dura a aula?

O recomendado para bebês é uma aula com duração de 30 minutos, pois, além de seu sistema termo-regulador ainda não se encontrar tão bem desenvolvido, o tempo de sua capacidade de atenção ainda é reduzido, e desta forma a atividade também não irá atrapalhar sua rotina de sono e alimentação.

Quer que seu filho desfrute de todos esses benefícios? Clique aqui.

Logo_footer   
     © 2016 Pronadar Academia | É outra história!

Siga-nos: