Que a natação proporciona benefícios para o corpo e a saúde é incontestável. Assim como diversas modalidades esportivas, a natação é cercada de mitos e verdades. Número de calorias eliminadas ao praticar natação e tipos de treinamentos para nadadores de velocidade e longas distâncias são exemplos de dúvidas que costumam ter diferentes respostas.
Afinal, natação emagrece ou não?
Abaixo, vamos responder algumas das principais questões.

– Nadar 1 km equivale a correr 5 km?
Verdadeiro.
Em termos de gasto calórico e tempo para executar o exercício, a afirmação é verdadeira.
Leia mais em: http://globoesporte.globo.com/eu-atleta/saude/noticia/2015/09/quem-nada-1km-gasta-energia-igual-quem-corre-5km-explica-fisiologista.html

– Para evoluir no esporte você deve treinar pernas por, pelo menos, 50% do seu volume de treino?
Falso.
É preciso treinar condicionamento e posicionamento das pernadas em todos os nados, mas determinar que deve ser 50% do volume do treino torna o dia a dia desmotivante.
É importante ressaltar que a informação é válida apenas para quem está começando a praticar natação agora. Nadadores de alto nível devem incluir muito treino de perna em seus treinos.
– Nadadores de longa distância não devem treinar velocidade?
Falso.
Os atletas fundistas devem variar os estímulos de intensidade durante a prática para treinar todos os sistemas metabólicos e os tipos de fibras para ter um bom resultado em provas longas.
– Os treinos de velocistas são, em sua maior parte, em intensidades muito altas?
Parcialmente verdadeiro.
A maioria dos velocistas treinam mais velocidade e mais explosão. No entanto, os treinos são feitos em intensidades moderadas. Nenhum atleta especialista em provas de 50m faz 50% do treino em trabalhos de velocidade ou potência.
– A velocidade de nado pode ser duas vezes mais lenta depois que você empurra a parede?
Falso.
Nadadores profissionais conseguem atingir o ritmo superior ao ritmo de nado empurrando a parede. Praticantes iniciantes devem procurar apurar a posição do corpo, braços e cabeça para ter, ao menos, o mesmo ritmo de nado. As viradas fazem extrema diferença no resultado final e não devem ser aproveitadas como ‘descanso’.
– Ao nadar, você não precisa beber água porque já está dentro dela?
Falso.
O corpo também transpira na água. Antes e durante o treinamento, o nadador deve se hidratar durante toda a atividade.
– A melhor maneira de progredir nadando é treinar seis vezes por semana? Quanto mais você treinar, melhor?
Falso.
A afirmação faz sentido para pessoas cujos treinos são de alto volume. Mas para quem pratica duas ou três vezes por semana, alterar os estímulos pode fazer mais diferença do que passar a nadar todos os dias. Uma sugestão é incluir outras atividades durante a semana, como a musculação.
Investir apenas no aumento de intensidade e volume é o caminho mais comum para lesões, tanto para praticantes regulares quanto para atletas de alto rendimento. Todo ciclo de treinamento precisa incluir períodos de compensação/descanso.

Este e outros artigos a respeito de natação estão disponíveis em www.pronadar.com.br

Logo_footer   
     © 2016 Pronadar Academia | É outra história!

Siga-nos: